Viena

IMC deixará de usar ovos de galinhas engaioladas

Dona da rede Frango Assado, Viena e outras redes de restaurantes, passará a usar apenas ovos livres de gaiolas

A IMC, International Meal Company, conglomerado de empresas do ramo alimentício e dona de grandes marcas como Frango Assado, Viena, Brunella, entre outras, torna público seu compromisso de deixar de usar ovos de galinhas engaioladas até 2022 nos restaurantes no Brasil.

"Estamos conversando com grandes ONGs como a Humane Society International (HSI), Animal Equality e Mercy for Animals para obter alternativas imediatamente, que cumpram com a legislação sanitária exigida pelo nosso negócio, uma vez que esse tipo de fornecedor ainda é raro no mercado brasileiro", explica o Presidente das Operações da IMC no Brasil, Pierre Berenstein.

O objetivo é que até 2022, 100% dos ovos utilizados na produção dos alimentos nos restaurantes Brasil sejam oriundos de galinhas cage free.

Além das mudanças com ovos, a IMC passou a utilizar alimentos orgânicos em alguns restaurantes na rede, como o caso de Viena Delish, inaugurado em 2016. Além do respeito aos animais, a empresa reforça seu compromisso com o meio ambiente.

Informações à imprensa:

Val Machado
Val.machado@idealhks.com
(11) 4873-7641

Priscilla Sampaio
Priscilla.sampaio@idealhks.com
(11) 4873-7621